Fale conosco pelo WhatsApp

O que é ICSI?

c

A ICSI — Injeção Intracitoplasmática de Espermatozoides — é uma técnica de reprodução humana de alta complexidade voltada para os casos de infertilidade conjugal. Desenvolvido no início da década de 1990, o procedimento permitiu que muitos casais construíssem a família que tanto sonhavam.

Casal depois de realizar a ICSI

Além de cônjuges, outras pessoas encontraram na ICSI a solução para a realização do sonho da maternidade. De acordo com a 11ª edição do SisEmbrio – Relatório do Sistema Nacional de Produção de Embriões produzido pela Anvisa – a demanda de pacientes em clínicas de reprodução humana ultrapassou a marca de 36 mil em 2017.

Descubra a seguir porque a ICSI está tão em alta e quais são as chances de sucesso do tratamento.

O que significa a sigla ICSI?

A sigla vem do inglês intracytoplasmic sperm injection, que em português significa injeção intracitoplasmática de espermatozoides. Nesse procedimento, um único espermatozoide é inserido no interior do óvulo, fazendo com que o gameta masculino não tenha o esforço de romper a zona pelúcida, membrana exterior do óvulo.

Apesar de ser um tratamento de Fertilização in Vitro, a ICSI possui uma característica muito distinta da FIV clássica. Ao invés de deixar os espermatozoides fecundarem o óvulo naturalmente na proveta de vidro, como acontece na FIV comum, a ICSI coloca o espermatozoide diretamente no óvulo, facilitando a fecundação.

Quando a ICSI é indicada?

Geralmente, a injeção intracitoplasmática de espermatozoides não é a primeira técnica indicada para lidar com as dificuldades na gestação. Isso porque existem outros tratamentos menos complexos que são tão eficazes quanto a ICSI, como é caso da inseminação intrauterina e do coito programado, por exemplo.

A indicação da ICSI dependerá do histórico clínico do casal e do resultado dos exames solicitados pelo especialista em reprodução humana. No entanto, é possível estabelecer as seguintes situações como passíveis de indicação desse método:

  • Quando a fertilização é realizada com óvulos congelados, pois, a zona pelúcida pode endurecer com o tempo de armazenamento;
  • Quando ocorre falha na fertilização por FIV clássica em ocasiões anteriores ou ela não oferece boas chances de sucesso;
  • Quando ocorre abortamentos de repetição;
  • Quando os espermatozoides do parceiro apresentam variações na quantidade, mobilidade e qualidade;
  • Quando o parceiro possui fragmentação do DNA espermático aumentada;
  • Quando a mulher possui problemas na zona pelúcida;
  • Quando o homem passou por uma vasectomia irreversível;
  • Quando o paciente realizou uma cirurgia de retirada de próstata;
  • Quando o casal escolhe utilizar sêmen congelado;
  • Quando a mulher é diagnosticada com endometriose ou possui problemas obstrutivos nas trompas.

Como funciona a injeção intracitoplasmática de espermatozoides?

O primeiro passo da ICSI é a obtenção dos melhores gametas masculinos e femininos. Para isso, são realizados procedimentos específicos em cada paciente.

No caso dos homens, o material pode ser obtido através da masturbação ou ser retirado dos testículos por meio de uma punção testicular. Já no caso das mulheres é realizada uma indução da ovulação por meio de medicamentos à base de hormônios logo no início da menstruação. O especialista acompanha o crescimento dos folículos, no local onde são gerados os óvulos, até aproximadamente o 11º dia do período menstrual. Quando eles atingem um tamanho adequado, o médico faz a coleta via ultrassom transvaginal.

O material coletado dos pacientes é levado ao laboratório onde são separados os de maior qualidade para fazer a ICSI. O óvulo escolhido passará por uma remoção das células que o circundam para evitar danos durante o procedimento. Em seguida, o espermatozoide escolhido é injetado no óvulo com o auxílio de uma agulha microscópica.

Na próxima etapa da ICSI o especialista observará a evolução do espermatozoide no óvulo até que o embrião alcance uma fase ideal para ser transferido para o útero da paciente. O tratamento pode levar aproximadamente 40 dias para ser concluído, considerando o início da estimulação dos óvulos até a confirmação ou não da gravidez.

Realização da ICSI

Quanto custa a ICSI?

O preço da ICSI dependerá de muitos fatores, tais como os medicamentos utilizados para a estimulação ovariana e a estrutura do laboratório no qual os gametas do homem e da mulher serão escolhidos. Por isso, o valor da injeção intracitoplasmática de espermatozoides pode variar entre uma clínica e outra.

Uma matéria publicada pelo site Bebe.com.br, da Editora Abril, traz uma média de quanto custa a ICSI. Segundo a reportagem, o valor desse tipo de Fertilização in Vitro gira em torno de 5 mil a 20 mil reais.

Qual é a taxa de sucesso da ICSI?

As chances de engravidar com a ICSI estão atreladas a diversos fatores. Um dos que mais interfere nesse aspecto é a idade da mulher.

Sabe-se que tanto a fertilidade feminina quanto a masculina diminuem em qualidade com o tempo, entretanto, sendo a mulher quem gerará o embrião, este aspecto é ainda mais impactante.

Sendo assim, a injeção intracitoplasmática de espermatozoides realizada em uma mulher com 42 anos, por exemplo, tem 15% de chance de sucesso. Por outro lado, o mesmo procedimento feito em uma mulher com menos de 30 anos possui uma taxa de sucesso de 50%.

A ICSI é um método de fertilização que revolucionou a reprodução humana, sobretudo nos casos graves de infertilidade masculina. Contudo, para saber se esta é a técnica mais indicada, é fundamental procurar a assistência de uma clínica de reprodução humana.

Fontes:

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa);

Sociedade Brasileira de Reprodução Humana (SBRA);

Organização Mundial da Saúde (OMS);

Hospital Sírio-Libanês;

Bebe.com.br;

Revista Saúde

Desde 2012 ajudando pessoas a realizarem o sonho de gerar uma vida e formar uma família, a Mater Prime é uma clínica de reprodução humana que preza pelo atendimento humanizado e personalizado. Para isso, nosso espaço conta com uma estrutura completa e acolhedora, além de equipe especializada para tratar problemas de infertilidade.

Posts Recentes

Categorias

Inscreva-se na nossa newsletter

Receba novidades e dicas