Fale conosco pelo WhatsApp

O que é janela de implantação e qual sua importância para a FIV?

O que é janela de implantação e qual sua importância para a FIV?

A janela de implantação é uma etapa de extrema importância para garantir o sucesso da gravidez. Ela representa o período em que o embrião consegue se implantar no endométrio. Ou seja, representa o momento mais propício para que o embrião se fixe na camada interna do útero que é preparada durante o ciclo menstrual para recebê-lo. Isso ocorre após a fecundação do óvulo pelo espermatozoide e seu período é de 24 a, no máximo, 48 horas.

Para identificar a janela de implantação foi desenvolvido um teste de avaliação endometrial chamado ERA (Endometrial Receptivity Array, na sigla em inglês ou Teste de Receptividade Endometrial), com o intuito de analisar a receptividade do endométrio para obter maior chance de sucesso nos tratamentos de Fertilização in Vitro (FIV).

O que é janela de implantação e qual sua importância para a FIV?

O teste ERA é uma avaliação molecular para determinar se o endométrio é receptivo durante a janela de implantação. O dia ideal para transferência do embrião ao útero também é determinada com o resultado do exame. Essa data costuma ser entre os dias 18 e 21 do ciclo menstrual da mulher, correspondentes aos dias após ovulação.

Ele pode ocorrer de duas formas:

1 – Preparo endometrial

Utiliza-se hormônios estradiol e progesterona para determinar com precisão a data para biópsia embrionária.

2 – Maneira natural

Realizado durante o ciclo menstrual com a ovulação espontânea, sem uso de hormônios para preparação do endométrio. O dia da biópsia irá variar conforme o dia de ovulação.

Seus resultados podem ser:

  • Receptivo

Significa que a janela de implantação está de acordo com a data que a biópsia foi realizada. Caso esse seja o resultado, a implantação pode ocorrer durante esse período.

  • Não receptivo

Significa que a janela de implantação é deslocada, estando o endométrio pré ou pós-receptivo. Nesse caso, é recomendada uma personalização da janela de implantação através de um novo exame para identificar a melhor data para transferência.

Todos os resultados se relacionam com a progesterona: hormônio sexual essencial para o equilíbrio do ciclo do ovário e para gravidez. Caso identifique-se que o endométrio está pré-receptivo, é preciso mais dias de progesterona. Em caso do pós-receptivo, é preciso menos dias de progesterona.

O ERA é atualmente recomendado nos seguintes casos:

  • Para pacientes que tentaram duas vezes ou mais e tiveram falhas de implantação mesmo com embriões de boa qualidade;
  • Com o endométrio normal ao ultrassom – Ele é necessário para que a gravidez aconteça, pois é nele que o zigoto se fixa para crescer. O endométrio pode ser fino ou normal. No caso de ser normal, mas a gravidez não está sendo gerada, o ERA é indicado para avaliar a janela de implantação a fim de obter sucesso na fertilização.

A receptividade endometrial é primordial para o procedimento de FIV e influencia nos resultados. Mas o teste ERA deve ser indicado pelo médico especialista em reprodução humana que irá constatar qual a melhor forma de chegar ao ponto esperado: a gravidez.

As fases de implantação e a importância da janela de implantação

O período da janela de implantação é um dos mais delicados e decisivos para quem está realizando a Fertilização in Vitro. Todo trabalho desenvolvido é para deixar o corpo e o organismo o mais preparados possíveis para que a sincronia aconteça resultando na gravidez. Esse momento é composto por três fases:

Posicionamento

O blastocisto procura o lugar de implantação para se fixar.

Adesão

O blastocisto fixa-se no endométrio. Acontece entre 6 e 7 dias após a fertilização.

Invasão

O blastocisto invade o endométrio, rompendo a membrana basal e penetrando nos vasos sanguíneos maternos.

Algumas mulheres realizam sucessivas tentativas de transferência embrionária sem sucesso. No caso de transferência de embriões de boa qualidade, é preciso avaliar o endométrio e buscar identificar onde e porquê houve a falha e como obter um resultado positivo. É então que entra a janela de implantação.

Durante a FIV, é simulado o ciclo menstrual da mulher e a transferência é feita durante a janela de implantação. Nesse período, o endométrio está sob efeito do hormônio progesterona por 3 dias para receber o embrião em D3 e 5 dias para receber o embrião em D5 (blastocisto).

Com a Fertilização in Vitro há maiores chances de sucesso para a gestação. O procedimento oferece diminuição nas taxas de aborto espontâneo, menor chance de sangramento, menor risco de parto prematuro e de bebês com maior peso ao nascer.

O especialista em reprodução humana irá acompanhar e oferecer os melhores exames e alternativas para que a implantação seja realizada no período correto. Entender sobre a janela de implantação faz a mulher ter mais conhecimento sobre o ciclo menstrual e entender o funcionamento do organismo em relação ao sistema reprodutivo e a esse momento importante que é a janela de implantação para que a gravidez ocorra.

Desde 2012 ajudando pessoas a realizarem o sonho de gerar uma vida e formar uma família, a Mater Prime é uma clínica de reprodução humana que preza pelo atendimento humanizado e personalizado. Para isso, nosso espaço conta com uma estrutura completa e acolhedora, além de equipe especializada para tratar problemas de infertilidade.

Posts Recentes

Categorias

Inscreva-se na nossa newsletter

Receba novidades e dicas