Fale conosco pelo WhatsApp

Teste de Ovulação: Funciona mesmo?

Teste de ovulação funciona - mulher registra dados no calendário

Você já ouviu falar dos testes de ovulação? Saiba que ele tem alto índice de eficácia e ajuda os casais que estão na fase de tentantes, pois, identifica a presença do hormônio luteinizante (LH), sinalizando a proximidade da ovulação e as maiores chances de engravidar no período.

Teste de ovulação funciona - mulher registra dados no calendário
Imagem: Shutterstock

Os testes de ovulação são vendidos em farmácias e cada embalagem contém de duas a 10 tiras ou bastonetes, uma vez que o hormônio LH se evidencia no organismo cerca de 24 horas antes da ovulação. Mulheres com ciclos menstruais mais regulados conseguem provisionar os dias de ovulação, já as que têm ciclo irregular tendem a ter mais dificuldade nesta identificação.

Para entender a funcionalidade dos testes de período fértil, a equipe da Clínica Mater Prime, especialista em reprodução humana assistida, listou as principais dúvidas acerca do tema. Confira a seguir!

O que é teste de ovulação?

Os testes de ovulação ajudam as mulheres tentantes a identificarem os dias férteis. Entende-se por dias férteis o período do ciclo menstrual em que os ovários liberaram um óvulo, sendo esse óvulo o responsável pela fecundação junto ao espermatozoide.

Os testes para ovulação detectam a presença do hormônio LH, que apresenta pico (elevação) de 24 horas antes de o óvulo ser liberado por um dos ovários.

Quando ocorre esse pico, a mulher que quer engravidar deve manter relações sexuais sem prevenção, aproveitando assim a maior chance de conseguir o positivo neste período denominado de período fértil.

Eles são indicados para os casais em fase de tentantes, ampliando assim a porcentagem de chances de engravidar durante aquele ciclo da mulher.

Quando os testes de ovulação devem ser feitos?

Os testes de fertilidade devem ser feitos próximos das datas previstas de ovulação. Isso dependerá do ciclo menstrual da mulher. Exemplificando: comumente a mulher apresenta ciclos menstruais de 28 dias. Estima-se que o período fértil dessa mulher seja entre o 11º e o 17º dia após o início da menstruação. Neste caso, a mulher deve começar a fazer os testes para ovulação a partir do 11º dia, sendo esse período o que antecede a liberação do óvulo.

Para as mulheres de ciclos mais longos, por exemplo, de 31 dias, o teste de ovulação deve ser feito a partir do 14º dia. Algumas mudanças sutis ocorrem no organismo feminino quando ela está em fase de ovulação. A temperatura corporal tem aumento de 0,5 graus (em média) e o seu órgão reprodutor libera um muco de consistência diferente — transparente e elástico.

A mulher que tenha conhecimento pleno de seu corpo e ciclo menstrual extremamente regulado consegue provisionar os dias para a realização dos testes para ovulação.

Demonstração de como o teste de ovulação funciona
Imagem: Shutterstock

Como é feito o teste de período fértil?

Os testes para identificar o período fértil utilizam os fluidos corporais. Os mais modernos usam a saliva, os mais tradicionais a urina. É importante que essa mulher leia com atenção as instruções que constam nas caixas desses testes de ovulação, uma vez que é necessário seguir alguns passos são esses:

  • Realizar o exame de ovulação com base nos dias do ciclo menstrual;
  • Não pode ser feito com a primeira urina do dia;
  • Eles têm horário específico para ser feito: das 15h até às 20h;
  • Cada caixa de teste contém de 2 a 5 testes de período fértil, sendo que eles devem ser feitos de forma seriada;
  • Descarte o teste em caso de lacre/embalagem violada.

O horário de coleta da urina pode variar de um fabricante ao outro, sendo necessário apenas a leitura da bula para que o resultado seja o mais assertivo o possível.

Interpretando os resultados

Os testes de fertilidade são similares ao de gravidez. Os mais simples, feitos com tiras, a identificação dos resultados é com base no surgimento ou não da segunda linha. A segunda linha deve ter coloração igual ou mais forte que a primeira para que o resultado para o teste de fertilidade tenha captado o resultado correto.

Os testes de ovulação digitais, quando detectam a presença do LH indicam uma carinha sorridente. Quando nada surgir no visor, significa que a ovulação não está para ocorrer.

Demais dúvidas acerca dos testes de ovulação

É importante evidenciar que a realização dos testes para ovulação não vai garantir que a fecundação do óvulo ocorra dentro daquele ciclo menstrual. É necessário uma série de fatores para a concepção do bebê, como: o óvulo ser saudável e receptível à fecundação, que o espermatozoide consiga fecundar esse óvulo, que o útero da mulher esteja receptivo para a implantação do embrião.

Em resumo, diversos fatores colaboram para que ocorra a fecundação, sendo que os testes de ovulação são apenas um incentivo aos tentantes nessa fase cheia de expectativas e ansiedades.

É importante consultar-se com um ginecologista de confiança que acompanhará essa fase de tentante e indicará outros exames e testes de ovulação que podem ser feitos para verificar a fertilidade feminina.

 

Fontes:

Dr. Rodrigo da Rosa, da Clínica Mater Prime;

Sociedade Brasileira de Reprodução Humana;

Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo).

 

Desde 2012 ajudando pessoas a realizarem o sonho de gerar uma vida e formar uma família, a Mater Prime é uma clínica de reprodução humana que preza pelo atendimento humanizado e personalizado. Para isso, nosso espaço conta com uma estrutura completa e acolhedora, além de equipe especializada para tratar problemas de infertilidade.

Posts Recentes

Categorias

Inscreva-se na nossa newsletter

Receba novidades e dicas